Casa / Gestão de Risco / Riscos para os Projetos em Ritmos Rápidos de Hoje

Riscos para os Projetos em Ritmos Rápidos de Hoje

Administrar riscos leva tempo: tempo para determinar os riscos, tempo para discutir se os riscos precisam de maiores investigações, e tempo para abordar os riscos que se tornam problemas.  No entanto, projetos movem-se muito mais rapidamente do que nos velhos tempos. Quando você leva em conta a limitada disponibilidade de recursos, você tem a receita de problema:

Antes, os projetos eram entregues aos engenheiros mais experientes para ajudar a controlar os riscos de projeto, porque pensava-se que experiência era a maneira mais significativa de lidar com riscos… Hoje, porque os projetos movem-se tão rapidamente e os recursos são minguados, sempre fica difícil colocar as pessoas mais experientes à frente de um programa… Quando projetos de natureza semelhante são conduzidos, poderá haver uma expectativa generalizada de gestão de que, como o projeto anterior foi rápido, o próximo projeto deverá ser conduzido com uma rapidez ainda maior.

O blogueiro Kevin Engler compartilha uma pequena lista de regras para ajudar a administrar riscos em projetos que se movem rapidamente.  Elas incluem:

  • Aceitar alguns riscos, desde que se esteja preparado para isto
  • Não permitir que o elemento de alto risco de um projeto desanime a equipe
  • Falar sobre os riscos com o cliente
  • Tentar tornar os riscos visíveis à administração e assegurar que eles estejam por cima da situação.
  • Permitir-se ser flexível com programação e risco técnico.

Buy-in executivo, comunicação aberta com membros da equipe e partes interessadas e honestidade sobre o progresso do projeto são pré-requisitos de uma boa administração de riscos.  Leia o artigo completo (em inglês) aqui: http://www.pmhut.com/risk-for-todays-fast-paced-projects

Sobre Matthew Kabik

Matthew Kabik is the former Editor of Computer Aid's Accelerating IT Success. He worked at Computer Aid, Inc. from 2008 to 2014 in the Harrisburg offices, where he was a copywriter, swordsman, social media consultant, and trainer before moving into editorial.

veja também

Fatos Concretos Sobre o Porquê da Gestão de Risco Funcionar

Norman Marks escreveu um post discutindo dois relatórios sobre gestão de risco. O primeiro é o Relatório de Aon, que mostra uma correlação entre a maturidade da gestão de risco por uma organização e o des

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Sorry, but this content
is for our subscribers only!

But subscribing to ACCELERATING IT SUCCESS is FREE and only one click away!
Join more than 40,000 IT Professionals and get the best IT management articles to your mailbox with Accelerating IT Success!

Unsubscribe at any time